Facebook Twitter Linkedin Instagram
Conteúdo 28 de agosto de 2019

Tendências IoT aplicadas à logística

*Por Davi Gomes

A Internet das coisas (IoT), em torno da logística e transporte, está crescendo em tamanho e sofisticação. Esse ecossistema de IoT se torna ativo quando a conectividade móvel atende a veículos e contêineres equipados com sensores.

Com um canal bidirecional para a nuvem, os ativos conectados compartilham e recebem dados. Os possíveis usos para esses dados estão apenas começando a ser percebidos. Do rastreamento de localização ao acionamento assistido e autônomo, a IoT está transformando toda a cadeia de transporte.

O que é IoT

 

Para quem ainda não conhece o termo, IoT(Internet of Things) significa Internet das Coisas e está associada à revolução tecnológica. Diz respeito aos objetos que estão interligados e conectados à internet de alguma forma. Como o assistente da Amazon, Alexa.

Gerenciamento de frota da IoT para ecologia e economia

 

Os modernos sistemas de comunicação à distância são capazes de analisar o desempenho do veículo e o comportamento do motorista, fornecendo um feedback abrangente tanto para os gerentes quanto para quem está no volante. Telemática e rastreamento permitem o planejamento otimizado de rotas e a manutenção de veículos com base em dados quase em tempo real.

Para as frotas comerciais, gerenciar o consumo do combustível é um desafio há muito tempo. Através do conjunto de serviços informáticos é que os veículos podem ter os seus dados registrados detalhadamente, e até as condições das estradas e elevações podem ser mensuradas.

Os dados podem ser utilizados para guiar os outros veículos conectados para frear e acelerar com mais eficiência. Com um desempenho melhor, as emissões são reduzidas e a frota passa a ser mais verde, tornando a empresa mais responsável nos dias de hoje.

É preciso garantir a segurança

 

Uma das maiores preocupações sobre a Internet das Coisas é como garantir a segurança online destes dispositivos. Uma das soluções possíveis é operá-los através de uma VPN, ou Rede Privada Virtual. Trata-se de uma rede protegida que criptografa todas as informações que transitam de um aparelho para outro, blindando-os de ataques de hackers e rastreamento.

Grandes empresas já possuem uma VPN para as redes internas; para garantir a proteção dos dados e limitar o acesso à internet dos funcionários, aumentando a produtividade.

Rastreamento detalhado aumentará a satisfação do cliente

 

Obter o produto para o cliente no momento certo, no lugar certo e no custo correto é o objetivo da empresa. A IoT fornece escala global com foco em close-up. Em vez de digitalizar códigos de barras, está se tornando economicamente viável usar sensores para rastrear ativos em trânsito. As atualizações detalhadas permitem que os clientes saibam exatamente quando os clientes esperam sua entrega.

Seguro Baseado no Usuário e Rastreamento de Veículos Roubados

 

Usando dados de veículos conectados, as seguradoras estão oferecendo políticas de frotas com taxas baseadas no uso, comportamento do motorista e outras variáveis. Esses modelos são chamados de seguros baseados no uso (UBI), paga enquanto dirige (PAYD) e paga como dirige (PHYD).

Já é um procedimento padrão no Reino Unido, EUA e Itália, e os subscritores de seguros em muitos outros países estão se preparando para fornecer a UBI. Rastreamento de Veículos Roubados (SVT), ou Recuperação de Veículos Roubados (SVR), também está crescendo em popularidade. No caso de um roubo relatado, o sistema SVT interage com a polícia para localizar e recuperar o veículo.

Veículos autônomos tornam-se parte do dia a dia

Os veículos autônomos comerciais são cada vez mais esperados para fazerem parte do cotidiano da logística na empresa. Com câmeras integradas, o trabalho poderá ser realizado de forma automatizada e remotamente. À medida que a tecnologia melhora, os motoristas poderão dar instruções ao veículos com um simples movimento de mão ou comando de voz.

Top do Transporte
Top do Transporte
Top do Transporte
Top do Transporte
Toyota
Translifit
SDS
Business Park
Tokio Marine
Retrak
w6connect
Manufacturing Summit Brazil