Facebook Twitter Linkedin
Evento 16 de abril de 2018

FEIMEC terá 3ª edição da Demonstração de Manufatura Avançada

Com o propósito de criar um ambiente favorável para a difusão e incorporação da Indústria 4.0 no Brasil, a ABIMAQ apresentará a 3ª edição do Demonstrador de Linha no Conceito de Manufatura Avançada, na Feira Internacional de Máquinas e Equipamentos (FEIMEC), que acontecerá de 24 a 28 de abril no São Paulo Expo.

Com investimento superior de R$ 5 milhões e o envolvimento de mais de 13 empresas, além de duas apoiadoras e quatro startups, o projeto de inciativa da ABIMAQ e realização técnica do SENAI São Paulo terá como novidade na linha de produção o Porta Gadgets UNION. A demonstração será constituída de 5 módulos para acondicionar luminária de led acrílica com espaço para a inserção de textos personalizados (estrutura fixa), relógio, lápis e canetas e porta celular e ‘treco’.

Segundo Anita Dedding, Gerente Divisional de Tecnologia Industrial da ABIMAQ, uma das novas tecnologias aplicada no processo da fabricação do produto será a biometria facial. “Os convidados poderão selecionar dois módulos de quatro disponíveis para compor o seu objeto e ainda escolher a cor para os acessórios, azul ou vermelho, e a introdução de texto”.

Além do reconhecimento facial, o objetivo do projeto é apresentar, na pratica, conceitos da Indústria 4.0, como manufatura aditiva, robótica colaborativa, realidade aumentada, gerenciamento de tecnologia por módulo, inteligência artificial, aquisição de dados analíticos e metrologia em processo em 3D. “Está prevista a produção de 300 conjuntos das cinco peças disponíveis dos módulos”, informa Osvaldo Maia, gerente de Inovação e Tecnologia do SENAI São Paulo.

SISTEMA INTEGRADO

No Demonstrador, haverá um cockpit para o controle de todo o processo produtivo da linha, em tempo real, utilizando os seguintes sistemas:

– ERP (Enterprise Resource Planning): ferramenta que controla informações, integra e gerenciando dados, recursos e processos a fim de aumentar o poder da tomada de decisão;

– MES (Manufacturing Execution Systems): gerencia as atividades de produção e estabelece uma ligação direta entre o planejamento e o chão de fábrica;

– PLM (Product Lifecycle Management): agrega um conjunto de processos desde a concepção do produto, design, projeto detalhado, simulação, fabricação, uso, manutenção, descarte ou sua reciclagem;

– Comissionamento Virtual: testar uma linha de fabricação no ambiente virtual para validação por meio de simulações antes da implantação física do sistema;

– Medição e Gerenciamento de energia: permite o controle do consumo de energia dos equipamentos no sentido de melhor proveito do seu uso;

– Realidade Aumentada: tecnologia utilizada para unir o mundo real com o virtual em tempo real;

– Manutenção Inteligente: plataforma de gestão de manutenção com mobilidade, histórico e inteligência com a finalidade de integrar sinais analógicos e digitais em IoT (Internet das Coisas) tratando as informações em cloud com inteligência artificial.

COMUNICAÇÃO DE DADOS

O projeto emprega tecnologias de redes seguras e flexíveis adequada às diferentes necessidades de aplicação. “Será utilizado cabeamento de fibra óptica, WI-FI, além de firewall para garantir a segurança (Cyber Security)”, esclarece Anita.

No Demonstrador será utilizado um protocolo de comunicação para a integração de todos os equipamentos de diversos fabricantes seguindo a padronização de linguagem de programação OPC-UA.

A parte de comunicação de dados inclui as mensagens trocadas entre as máquinas utilizando o conceito desenvolvido pela OMAC (organization for Machine Automation e Control). “O propósito do uso da solução é padronizar o chamado Estado de Máquina”, acrescenta gerente da ABIMAQ.

CLUSTERS

Outra novidade do espaço será as apresentações das tecnologias presentes na linha por meio dos clusters. “Empresas, universidades e institutos de pesquisa criarão um ambiente para oferecer ao público na prática as experiências dos conceitos de Manufatura Avançada inseridos no Demonstrador”, esclarece Anita Dedding.

As soluções previstas nos clusters são: Realidade Aumentada; Comunicação Máquina a Máquina; Internet das Coisas; Inteligência Artificial; Realidade Virtual, que reproduz uma célula idêntica à física por meio de óculos HTC VIVE/WS; e Realidade Mista, que utiliza óculos Hololenss da Microsoft a fim de dar o comando de voz para máquina parar ou exibir uma informação, ou até mesmo visualizar o holograma da linha em tamanho real misturado com mundo virtual.

Assine a Revista Logweb Paletrans GLP Toyota Vipal Resolve Logweb

Portal Logweb – A logística se atualiza aqui

Faça como milhares de profissionais e se cadastre em nossa newsletter


Mais lida da Logweb
DHL utiliza carros elétricos para distribuição de produtos no Brasil
leia também