Facebook Twitter Linkedin Instagram
Intermodal 22 de abril de 2019

Grupo Kion apresentou célula de trabalho na Intermodal, em parceria com a Dematic e Águia

Quem visitou o estande do Grupo Kion (Fone: 11 4066.8157) pôde conferir soluções para transporte, separação, distribuição e gestão de pedidos fracionados, com ênfase em Intralogística 4.0. A Dematic (Fone: 11 4066.8100) exibiu com a Águia Sistemas (Fone: 11 3721.4666) uma solução para transporte, separação e distribuição de pedidos fracionados e gestão com WCS. “Montamos uma célula de trabalho que demonstrou de forma real como funcionam as operações de movimentação de materiais para o comércio eletrônico e indústria farmacêutica”, explicou Fábio Tanaka, do departamento Comercial da Dematic.

O Grupo Kion também expôs empilhadeiras com tecnologia de ponta, como H70 T, da Linde, e FMX NG, RX 20-20, EGV e OPX 25, da Still. “Aproveitamos para atualizar os visitantes sobre a funcionalidade das baterias Li-Ion, que se tornam cada vez mais indispensáveis em equipamentos para movimentação de materiais. Elas vêm para revolucionar o negócio de máquinas e trazem diversas vantagens, como a não necessidade de manutenção e a maior disponibilidade do equipamento. O diferencial dessas baterias nas empilhadeiras e transpaleteiras elétricas da marca Still é a qualidade, isso porque a nossa matriz, na Alemanha, tem um desenvolvimento próprio. A vida útil do produto também é um ponto positivo, pois tem validade entre 10 e 15 anos, dependendo de cada aplicação”, comentou Murilo Marin, gestor comercial das marcas Linde e Still.

Segundo Kareen Ratton, head of Communications Kion Latam, o movimento da Intermodal foi muito maior do que em edições anteriores e as visitas ao estande renderam bons negócios para o Grupo. “Mostramos a aplicação da Intralogística Conectada e toda a sinergia entre máquinas, automação e sistemas de transporte dentro de um armazém”, disse, salientando que os clientes economizam cerca de 30% fazendo o projeto completo com as empresas do grupo, em vez de buscarem fornecedores separadamente.

As perspectivas para este ano, de acordo com Marin, é de que continue a curva de crescimento em relação a 2018 — que foi melhor do que o ano de 2017. “Estamos muito otimistas e preparados”, afirmou.

Top do Transporte
Top do Transporte
Top do Transporte
Top do Transporte
Top do Transporte
Top do Transporte
Brasil Log
Brasil Log
Brasil Log
Savoy Retrak Veloe w6connect
Assine a Revista Logweb
Assine a Revista Logweb
Revista Logweb