Facebook Twitter Linkedin Instagram Youtube
Aéreo 19 de março de 2019

RIOgaleão Cargo participa pela quinta vez da Intermodal

RioGaleão

O RIOgaleão Cargo apresenta este mês, durante a 25ª edição da Intermodal South America, as credenciais que o tornam, neste início de 2019, o único terminal de cargas do país reconhecido pela Receita Federal do Brasil (RFB), como Operador Econômico Autorizado (OEA), na modalidade segurança. A certificação, que legitima o baixo grau de risco das operações de comércio exterior realizadas pelo terminal, será um dos atributos apresentados pelos representantes do RIOgaleão Cargo aos grandes players do setor que estarão presentes à feira. Seu estande estará localizado no número 15 da Rua 10.

Em sua quinta participação consecutiva na Intermodal, o terminal de cargas do Aeroporto Internacional Tom Jobim apresentará também a conquista em outras certificações exclusivas, como a de Boas Práticas de Armazenagem da ANVISA, em processo de auditoria para obtenção, para se tornar o primeiro terminal detentor da certificação, que garante a qualidade e a confiabilidade dos serviços prestados na armazenagem de produtos sob vigilância sanitária.

As certificações reforçam o compromisso do RIOgaleão Cargo com a conformidade e integridade operacional, pilares que estão sendo aprimorados desde a obtenção do CEIV Pharma da IATA e ISO 9001:2015.

Durante a Intermodal, o terminal de cargas do RIOgaleão irá apresentar outros diferenciais competitivos e estratégicos. Um dos destaques será o portfólio de serviços e soluções customizáveis, que continua sendo trabalhado junto à cadeia logística, oferecendo serviços que abrangem seis diferentes categorias, como cargas de temperatura controlada, objetos de grandes dimensões e peso e animais vivos.

Somadas a fortes investimentos realizados desde o início da concessão, em 2014, tais soluções levaram o terminal a apresentar um expressivo incremento de negócios em 2018. O RIOgaleão Cargo registrou, no ano passado, a maior movimentação em valor de carga de importação, desde o início da concessão do aeroporto, em 2014. No comparativo entre os dois anos, o crescimento foi de aproximadamente 14%, com destaque para os segmentos de Transporte Aéreo, Automotivo, farmacêuticos e Químico.

Newsletter
Cadastre-se aqui

SDO Equipamentos
Top do Transporte
Top do Transporte
Fronius Patrocinador
Top do Transporte
Top do Transporte
Toyota
Retrak
Savoy
JLL
JLL