Facebook Twitter Linkedin
Modal Marítimo 7 de março de 2018

Sepetiba Tecon tem novos parâmetros de manobras e atrai grandes navios

O Presidente do Sepetiba Tecon, Pedro Brito, anunciou que o terminal obteve junto as Autoridades Portuária e Marítima a homologação de novos parâmetros de manobras e passa a operar com calado máximo de 15,40 m para entrada e saída de navios porta-contêineres. Esse reconhecimento legal foi concedido graças a realização de obras de dragagem na bacia de evolução, área de manobra e berços do terminal e a validação dos levantamentos batimétricos junto ao CHM – Centro de Hidrografia da Marinha.

O Sepetiba Tecon possui um plano estratégico de investimento para modernização do terminal e expansão da sua capacidade de movimentação. O aumento do calado faz parte desse planejamento que ainda prevê a aquisição de nove novos RTGs (Rubber Tired Gantry) e dois Portêineres, o que aumentará ainda mais a sua produtividade e capacidade operacional. Todo esse investimento pertence a um pacote estimado em R$ 567 milhões, proposto em dezembro passado à Autoridade Portuária (CDRJ – Companhia Docas do Rio de Janeiro) e ao Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil.

Segundo Jorge Mello, Diretor Geral do Sepetiba Tecon, a expectativa da empresa é, com aumento do calado operacional, atrair navios ainda maiores para o terminal e fomentar os investimentos feitos no comércio exterior do Rio de Janeiro com diversos países. “Com a homologação dos novos parâmetros, passamos a ter o maior calado da Costa Leste da América do Sul. A próxima conquista é ser o primeiro terminal do Brasil apto a receber os navios da classe New Panamax com até 366m de comprimento e 51m de largura”, diz Mello.

Top do Transporte
Top do Transporte
Top do Transporte
Top do Transporte
Top do Transporte
Top do Transporte
Top do Transporte
Maplink Toyota
GLP
Retrak
Paletrans
Alphaquip
Assine a Revista Logweb
Assine a Revista Logweb
Top do Transporte