Facebook Twitter Linkedin Instagram
Investimento 2 de maio de 2019

Softbank investe US$1 bi no aplicativo Rappi

O conglomerado japonês Softbank anunciou nesta terça-feira um investimento de 1 bilhão de dólares (R$ 3,95 bilhões) no aplicativo de entrega colombiano Rappi. O investimento no Rappi é o primeiro do recém-criado Fundo de Inovação do Softbank, lançado em março, voltado para a América Latina e com expectativa de injetar US$ 5 bilhões em companhias iniciantes. É o maior investimento de capital de risco já recebido por uma startup da América do Sul.

Outro veículo de investimento global da Softbank, o Vision Fund, também participará — cada um deles colocará US$ 500 milhões na companhia. A Rappi foi avaliada em 1 bilhão de dólares em sua última rodada de financiamento em setembro, apoiada pelo investidor DST Global.

O aplicativo, que começou a funcionar no Brasil em 2017, oferece serviço de delivery a partir do qual o consumidor pode pedir qualquer produto que deseje, a ser entregue por motoboy prestador de serviços da companhia. Recentemente a startup vem apostando na ampliação de suas ofertas, incluindo também a possibilidade de contratar serviços e patinetes elétricas, a partir de parcerias com outras empresas, como GetNinjas, Singu e Grow. A ideia, segundo executivos da empresa, é tornar a ferramenta um “super-app”, inspirado no que existe no mercado chinês. No modelo, um mesmo aplicativo é usado para uma grande variedade de compras, serviços e pagamentos.

Nessa direção, Marcelo Claure, diretor de operações do Softbank e responsável pelo fundo da companhia para a América Latina, disse em nota acreditar que os fundadores do Rappitem a visão corajosa para criar o melhor super-app da região. A startup tem como principais concorrentes as empresas iFood e Uber Eats, no ramo da alimentação

No Brasil, o Softbank já fez investimentos no aplicativo 99, mais tarde vendido para a chinesa Didi, e na startup de logística Loggi, que também usa o trabalho de entregadores parceiros. Em Internacionalmente, a Uber é uma das estrelas de seu portifólio. Além do Brasil, a Rappi está em outros seis países, incluindo México, Peru, Argentina, Chile e Uruguai. Segundo a companhia, o investimento permitirá a ela chegar a novos mercados. A empresa também afirma estar registrando crescimento mensal de 20% nos mercados em que faz negócios.

Fonte: Folha de S. Paulo

Top do Transporte
Top do Transporte
Top do Transporte
Top do Transporte
Top do Transporte
Top do Transporte
Brasil Log
Brasil Log
Brasil Log
Business Park Translifit Retrak w6connect