Facebook Twitter Linkedin Instagram
Modal Marítimo 2 de julho de 2018

Terminal investe em tecnologia e oferece maior eficiência operacional

O Tecon Rio Grande, terminal de contêineres do Grupo Wilson Sons, vem promovendo uma série de melhorias em tecnologia. As mudanças começaram em 2014, no início do projeto de automação dos gates, com investimento de US$ 1,6 milhão e, neste ano, incluem a atualização do banco de dados do terminal e do sistema de biometria usado nos gates automatizados que dão acesso ao local.

“Nos últimos anos, investimos em tecnologias que permitem maior automação e aumentam a eficiência operacional. O novo sistema de biometria contribui para isso. Nosso objetivo é manter o processo ágil para nossos clientes, trabalhando sempre com segurança no terminal”, explica Paulo Bertinetti, diretor-presidente do Tecon Rio Grande.

O novo sistema de biometria foi instalado em todas as entradas operacionais do Tecon Rio Grande, reduzindo ainda mais o tempo de acesso ao local, com reflexo positivo no trânsito externo. Hoje, o período médio do processo de entrada/saída dos veículos no gate é de 30 segundos. Antes da automação, o tempo era de três minutos. Hoje são 10 mil motoristas cadastrados e cerca de 1.500 caminhões circulando diariamente no terminal, ocupando 75% da capacidade operacional.

Já o upgrade do banco de dados traz uma série de benefícios, como escalabilidade e maior disponibilidade com redundância, além de melhorar a performance dos sistemas usados no terminal, como Navis N4, TeconLine e Portal de Atendimento. Esses dois últimos são focados no atendimento ao cliente, permitindo interação rápida e acesso às informações online das cargas.

Nos últimos dois anos, o Tecon Rio Grande realizou vários investimentos em tecnologia, equipamentos e treinamento de equipe, com a aquisição de tratores de pátio (caminhões) e a implantação do sistema Navis N4. Também foram adquiridos três novos STS (Ship to Shore Container Crane – responsáveis pela movimentação de contêineres entre o navio e o pátio) e oito RTG (Rubber Tyred Gantry Crane – pontes rolantes sobre rodas utilizadas na movimentação dos contêineres no pátio), no valor de R$ 146 milhões.

Com 20 anos, o Tecon Rio Grande é um dos mais importantes terminais de contêineres da América Latina. Opera as principais linhas de navegação que escalam o país e tem cerca de três mil importadores e exportadores, tendo se tornado fundamental para o desenvolvimento econômico do estado.

Top do Transporte
Top do Transporte
Top do Transporte
Toyota Retrak LOGCP
Paletrans
Alphaquip
Assine a Revista Logweb
Assine a Revista Logweb
Revista Logweb