Facebook Twitter Linkedin Instagram Youtube telegram
Mercado 16 de abril de 2021

Faturamento da indústria de materiais de construção subiu 15,6% no 1º tri

O faturamento deflacionado das indústrias de materiais de construção no Brasil registrou alta de 15,6% no primeiro trimestre de 2021 ante o mesmo período do ano anterior. O resultado foi apoiado pelo avanço de 26,6% no mês passado comparado a março de 2020, aponta a pesquisa índice da Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção (Abramat) divulgada nesta quarta-feira, 14.

A nova edição da pesquisa, elaborada pela Fundação Getulio Vargas (FGV) com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), informa também os dados consolidados de fevereiro de 2021. No período, a indústria de materiais de construção teve faturamento 11,6% maior que o observado em fevereiro de 2020.

Para 2021 a Abramat permanece estimando crescimento de 4% no faturamento da indústria de materiais de construção em relação a 2020.

“O resultado positivo no primeiro trimestre de 2021 mostra que a indústria de materiais de construção está sendo demandada, o que possibilita chegarmos a um crescimento de 4% ainda este ano”, avalia o presidente da associação, Rodrigo Navarro.

No entanto, o executivo destaca que a previsão depende do desdobramento de alguns fatores internos da economia brasileira. “É importante ressaltar que se faz necessário acelerar a vacinação em todo País, bem como progredir nas pautas de reformas no Congresso Nacional, para que se minimizem potenciais impactos negativos das externalidades”, complementa Navarro.

Sds
Kivnon
Geotab
Expo
Expo
Expo
Expo
Expo
Expo
Expo
Expo
Expo
Expo
Expo
Retrak
savoy
itapevi
postal