Facebook Twitter Linkedin Instagram Youtube
Condomínio logístico 24 de julho de 2020

Locações globais da GLP sobem 41% no primeiro semestre de 2020

A GLP – líder global em gestão de investimentos e desenvolvimento de negócios em logística, real estate, infraestrutura, finanças e tecnologias inovadoras aplicadas ao setor – anunciou um forte desempenho global de locações no primeiro semestre de 2020, assinando aproximadamente 8,9 milhões de metros quadrados em contratos de locação nos últimos seis meses, um aumento de mais de 41% em relação ao mesmo período de 2019.

O comércio eletrônico continua sendo um forte impulsionador da demanda, acelerada ainda mais por mudanças no comportamento do consumidor como resultado da COVID-19, uma tendência que deve continuar além da pandemia. Hoje, o comércio eletrônico representa aproximadamente 40% do portfólio global da GLP, em comparação aos 20% a 25% de cinco anos atrás.

Destaques do primeiro semestre de 2020

No Brasil, a GLP assinou 385.000 m² em novos contratos, um aumento de 106% em relação ao ano anterior, incluindo uma nova locação de 21.000 m² no parque GLP Cajamar II para um dos maiores players de comércio eletrônico da América Latina e 46.000 m² no GLP Louveira I para a Kuehne + Nagel, uma das principais empresas de logística do mundo. A demanda de expansão de clientes com contratos ativos continua sendo uma alavanca do negócio, com 74% das locações no primeiro semestre de 2020 no Brasil vindo de clientes preexistentes.

Na China, a GLP assinou aproximadamente 7,4 milhões de metros quadrados de novos contratos e renovações nos primeiros seis meses de 2020, um aumento de 48% em relação ao ano anterior, o que equivale a mais de 80.000 metros quadrados por dia. Impulsionando a atividade de leasing está o crescimento dos principais clientes de empresas de logística terceirizadas e do comércio eletrônico, à medida que continuam a se expandir para atender às crescentes necessidades de consumo doméstico e do varejo em todo o país. Com o aumento do comércio eletrônico e com consumidores esperando uma entrega mais rápida, é provável que as empresas continuem a terceirizar operações logísticas como uma estratégia de atendimento mais flexível.

As compras de alimentos e produtos de supermercado on-line estiveram entre os setores que mais cresceram para a GLP. A empresa assinou recentemente um novo contrato com a Bestore (Liangpinpuzi), uma das marcas de snacks mais populares da China, e também está apoiando as necessidades de armazenamento e distribuição da 7-Eleven na província de Hunan, também naquele país, que abriu recentemente sua primeira loja em Changsha e bateu recorde global de vendas no dia da abertura com US$ 70.310 em faturamento.

No Japão, a GLP assinou aproximadamente 632.000 m² em 42 contratos, 17% a mais que no ano anterior. O comércio eletrônico foi um importante impulsionador da demanda, representando aproximadamente 34% das locações no país no primeiro semestre deste ano. Isso inclui 100.000 m² em contratos de pré-locação no GLP ALFALINK Sagamihara IV, na Grande Tóquio, e clientes que assinaram novos contratos de locação ou de renovação em todo o país. O GLP ALFALINK é uma nova marca de instalações logísticas criada pela GLP no Japão, projetada exclusivamente para otimizar a eficiência operacional e gerar valor para os clientes, proporcionando que a cadeia de suprimentos de ponta a ponta, desde o desenvolvimento do produto até a entrega, aconteça em um único local. O GLP ALFALINK Sagamihara e o GLP ALFALINK Nagareyama – atualmente em desenvolvimento – são dois dos maiores parques logísticos modernos planejados no Japão e fornecerão mais de 650.000 m² e 900.000 m² de área bruta, respectivamente, após a conclusão.

Na Índia, as locações triplicaram em relação ao ano anterior, com a equipe da IndoSpace assinando 238.000 m² em contratos de janeiro a junho de 2020. O aumento foi impulsionado pela maior demanda do comércio eletrônico, do setor de logística terceirizada e de indústrias multinacionais. Entre os clientes com contratos vigentes estão a Amazon e a Dhoot Transmission e as novas marcas do portfólio IndoSpace incluem First Cry, McWane, Rexel, BYJU’s e L. Harbert.

Na Europa, a GLP assinou contratos com a XPO na França, Bleckmann e Focus International (parte da JD Sports Fashion) no Reino Unido, bem como com a ID Logistics e uma empresa líder global de comércio eletrônico na Alemanha, num total de quase 220.000 m². Além disso, a GLP fechou recentemente a aquisição do portfólio imobiliário do Goodman Group na Europa Central e Oriental, o que expande estrategicamente sua presença na Europa para 11 países.

Newsletter
Cadastre-se aqui

Top do Transporte
Top do Transporte
Fronius Patrocinador
Nimbi Patrocinador
Volkswagen Patrocinador
Mercedes Patrocinador
Top do Transporte
Top do Transporte
SDO Equipamentos
Toyota
Retrak
Sds
Savoy
JLL