Facebook Twitter Linkedin Instagram Youtube
Modal Marítimo 9 de junho de 2020

Modal Marítimo – Ed. 208

Docas do Rio reativa canal de interligação do Porto de Itaguaí
Com o objetivo de melhorar a infraestrutura aquaviária do Porto de Itaguaí e aumentar os índices de produtividade e faturamento, a Companhia Docas do Rio de Janeiro (CDRJ) reativou o Canal Norte da Ilha das Cabras. Com 9,4 metros de profundidade e um calado operacional de 8,9 metros, o canal pode receber navios de até 242 metros de comprimento e 32 metros de boca.
Para o superintendente de Gestão Portuária dos Portos de Itaguaí e Angra dos Reis, Alexandre Neves, o restabelecimento do canal possibilita uma nova dinâmica operacional nas manobras dos navios que acessam o Porto de Itaguaí: “O Canal Norte da Ilha das Cabras cria um trecho que pode funcionar como uma dupla via, modalidade que pode gerar crescimento na produtividade dos terminais e do porto, em função da ampliação da taxa de ocupação dos berços e aumento da movimentação de carga”. Outro ponto relevante, segundo Neves, “é a proximidade desse canal com a área de expansão do porto, que agora possui um canal como facilitador de um projeto futuro”.
O canal havia sido desativado em 2011 em razão das obras da Base de Submarino Nuclear e do Terminal Privado do Porto Sudeste, no intuito de evitar acidentes, já que estava ocorrendo dragagem nas proximidades. Com a conclusão dessas obras, a Diretoria de Gestão Portuária da CDRJ desenvolveu um projeto de reativação do canal, por meio da Superintendência de Gestão Portuária de Itaguaí e da Superintendência de Engenharia, com o apoio das demais diretorias. Assim, foram realizadas uma nova batimetria e uma nova sinalização náutica, visando o restabelecimento das condições de navegabilidade. Após as aprovações por parte da Marinha do Brasil (MB), a CDRJ instalou as boias de sinalização e homologou o navio tipo e o calado de operação.

Suape contrata Porto Digital para programa de Inovação Aberta
O processo de transformação digital iniciado em Suape em 2019 deu mais um importante passo com a contratação do Núcleo de Gestão do Porto Digital (NGPD) para a implementação de programa de inovação aberta no Complexo Industrial Portuário de Suape, localizado em Pernambuco.
Por meio do contrato com o NGPD, startups e empresas do parque tecnológico identificarão desafios e buscarão soluções digitais que otimizem tempo e recurso nas atividades de gestão portuária. Poderão ser contratadas, via encomendas tecnológicas ou por outros modelos de contratação, até 10 startups que vão trabalhar os desafios nas seguintes esferas: sistema portuário, sensoriamento, digitalização, transparência e inteligência de Suape.
O programa de Inovação Aberta do Porto Digital – o Open Innovation Lab (OIL) – foi desenvolvido para grandes companhias e instituições públicas poderem se tornar um diferencial na trajetória de uma startup, gerando novos negócios e fomentando a economia. O Porto Digital atuará como uma interface entre Suape e as startups.
A ideia é que as soluções de inovação sejam construídas com a participação de Suape e, depois de testadas e consolidadas, poderão ser contratadas por outros atores da atividade portuária no Brasil, como operadores portuários e empresas de navegação. A metodologia de trabalho será estruturada em quatro eixos, implementados no período de 10 meses.
A primeira fase do projeto será o levantamento dos desafios, período em que o NGPD vai especificá-los através de uma rotina de entrevistas e momentos de construção colaborativa que serão executados com colaboradores de Suape. No segundo momento, ocorrerá a convocação dos interessados – startups, pesquisadores ou institutos de ciência e tecnologia, para buscar soluções aos desafios mapeados. Em seguida, haverá a seleção das empresas interessadas e a contratação. E a quarta e última etapa do projeto será o desenvolvimento das soluções, por meio de parceria entre Suape, Porto Digital, startups, empresas e institutos de pesquisa.

Newsletter
Cadastre-se aqui

Top do Transporte
Top do Transporte
Fronius Patrocinador
Top do Transporte
Top do Transporte
Toyota
Retrak
Savoy
JLL
JLL