Facebook Twitter Linkedin Instagram
Tecnologia 11 de novembro de 2019

Seal Sistemas anuncia parceria com Sierra Wireless para ampliar oferta de IoT

O IoT Signals, estudo divulgado pela Microsoft no segundo semestre desse ano, indicou que 88% das empresas entrevistadas mundialmente reconhecem que a Internet das Coisas é um conjunto de ferramentas fundamentais para o sucesso. Ainda segundo essa análise, os grandes objetivos das empresas ao adotarem a IoT são otimização das operações (56%) e produtividade dos funcionários (47%). Seguindo essa tendência, a Seal Sistemas acaba de anunciar a parceria com a Sierra Wireless, empresa fundada em Vancouver e um dos principais players do mercado, para ampliar a oferta e melhorar ainda mais as soluções oferecidas.

“Encontramos na Sierra uma excelente opção para nos ajudar a oferecer a solução mais completa do mercado quando se trata de IoT, uma vez que eles têm mais de 150 milhões de dispositivos espalhados no mundo”, conta Carlos Santana, diretor da unidade de negócios IoT da Seal Sistemas. “Unindo as expertises da Sierra e da Seal, nossas soluções terão um valor agregado muito maior para os negócios do cliente”, afirma Wagner Bernardes, CEO da Seal Sistemas.

Por outro lado, a companhia canadense encontrou na Seal uma equipe que tem uma carteira de clientes consolidada, conhecimento e know-how do mercado brasileiro. “As duas empresas apresentam visões muito semelhantes de negócios, veia de inovação, equipe capacitada. Nosso objetivo básico, assim como o da Seal, é solucionar as dores dos clientes e oferecer soluções end-to-end com uma experiência satisfatória”, afirma Marcio Fabozi, diretor de vendas para América Latina da Sierra Wireless.

Os principais produtos da Sierra que serão oferecidos no Brasil, através da Seal, são os gateways e roteadores, nesse primeiro momento. “A priori, o foco é nas soluções que visam atividades relacionadas às missões críticas, que é onde vemos uma grande perspectiva de crescimento no uso das soluções de IoT”, diz Fabozi. E assim, além da ampliação no portfólio de soluções, a parceira também possibilita que a Seal explore e adentre em novos mercados, como healthcare e gestão de frotas, por exemplo.

Monitoramento e informações em tempo real, gestão efetiva dos dispositivos, dados na nuvem e integração com os demais serviços do cliente são alguns dos benefícios presentes nas soluções completas que serão ofertadas pela Seal e Sierra. Elas podem ser tanto para os casos de missão crítica, monitorando ambulâncias, carros-fortes e veículos da polícia, como no varejo ou empresas que precisam de um nível de serviço alto. “A Sierra oferecerá os dispositivos de monitoramento e/ou roteadores e a Seal, o sistema de gestão para que haja disponibilidade da informação em qualquer lugar e em qualquer momento”, explica Santana. “Com isso, todas as informações importantes são traduzidas para as respectivas equipes, inclusive o time de negócios”, completa.

“Imagine uma gestão de frota pesada, por exemplo, um ônibus, que você precisa transmitir wi-fi, fazer a telemetria, integrar o controle de acesso, enviar as informações das câmeras para nuvem, dentre outras ações simultaneamente. Para que isso ocorra, precisa ter um roteador robusto que aguente esse tráfego”, exemplifica Fabozi. Além dessa robustez, os produtos da Sierra também são fáceis de configurar, o que melhora a experiência dos nossos clientes e agiliza o processo de implementação. “Já pensamos cada item do nosso portfólio para ser utilizado nas mais diversas missões críticas então o índice de qualidade e robustez são elevadíssimos. Além disso, é possível configurá-los de forma remota e sem precisar ter nenhum tipo de conhecimento em programação. Desenvolvemos tudo numa linguagem mais simples possível para que isso seja uma tarefa fácil e natural aos nossos clientes”, explica Fabozi.

O varejo também é outro mercado que necessita dessa estrutura parruda. De forma prática, se uma loja fica sem a sua internet cabeada, por exemplo, é possível que um desses modelos de roteadores transmita sinal de rede para que as ações básicas, como pagamento, continuem funcionando normalmente. “Uma loja que fique 1 hora sem conseguir fechar compras e realizar pagamentos pode ter prejuízos drásticos. E muitas vezes, um dia só de queda de sinal, já paga o investimento nesse tipo de solução”, conta o diretor da Sierra.

Para um próximo passo, a parceria entre as empresas visa explorar ainda mais as necessidades e dores do varejo, que é um setor que a Seal já é referência, bem como a indústria. “De aplicações, decidimos investir nossas energias nesse primeiro grupo que reforçamos: gestão de frotas e missão crítica. Mas vemos com muito bons olhos, no curto prazo, ampliar ainda mais a nossa oferta para varejo, indústria e todos os outros segmentos que possam usufruir da nossa solução para melhorar seus negócios”, finaliza Santana.

Newsletter
Cadastre-se aqui


Top do Transporte
Top do Transporte
Top do Transporte
Top do Transporte
Toyota
Translifit
Retrak
Manufacturing Summit Brazil