Facebook Twitter Linkedin Instagram Youtube telegram
Conteúdo 5 de fevereiro de 2024

Impactos econômicos dos ataques no mar vermelho: aumento drástico nos fretes marítimos e reflexos no Brasil

Os recentes ataques do grupo rebelde Houthis no Mar Vermelho têm desencadeado uma série de efeitos colaterais nos custos e na logística do transporte marítimo global. Essa instabilidade, agravada pelos desvios de rotas devido ao não uso do Canal de Suez, está elevando significativamente os preços dos fretes e gerando preocupações em diversas indústrias.

De acordo com o índice Freightos Baltic, as taxas globais de frete de contêineres aumentaram impressionantes 121,59% em menos de um mês, passando de US$ 1.179,20 em 1º de dezembro de 2023 para US$ 2.613,00 em 12 de janeiro. O aumento é atribuído não apenas aos ataques, mas também ao desvio de rotas, como o contorno do Cabo da Boa Esperança.

O impacto nos custos operacionais é significativo, com um acréscimo de aproximadamente 10 dias no tempo de navegação. Larry Carvalho, especialista em logística, destaca que o custo diário apenas de óleo bunker já representa um aumento considerável, aproximadamente 300 mil dólares por embarcação, excluindo outros custos.

Os Estados Unidos e o Reino Unido responderam aos ataques, mas as tensões persistem, criando um ambiente volátil. A consultoria Drewry Shipping alerta para a criticidade das próximas semanas, especialmente diante da demanda crescente pré-Ano Novo Lunar chinês.

Empresas brasileiras de transporte internacional aconselham a antecipação de reservas para garantir espaço e equipamento, enquanto Caio Jorge, da Hoffen International Logistics, destaca a importância do booking antecipado.

 

Conclusão

 

O impacto dos ataques dos Houthis reverbera nos bolsos dos brasileiros, pois produtos cotidianos importados da Ásia enfrentam aumentos nos preços devido ao encarecimento do frete marítimo. Itens como produtos de bazar, cama, mesa, banho, utensílios de cozinha e plástico, além de itens de vidro, estão entre os afetados. Esses aumentos podem refletir no IPCA, índice de inflação no Brasil.

Além disso, a preocupação com os preços do petróleo persiste, contribuindo para a complexidade do cenário econômico. Em suma, os desdobramentos dos ataques no Mar Vermelho estão remodelando o panorama global do transporte marítimo e influenciando diretamente a economia brasileira.

Victor Adriano Tavares Victor Adriano Tavares

Possui graduação em Administração, Especialização em Logística, Docência do Ensino Superior, Gestão de Equipes, Gestão e auditoria ambiental e Gestão escolar e Coordenação Pedagógica. Professor Universitário (Administração e Logística), proprietário da Vs2l Transportes e Analista da Educação Profissional – Firjan/SENAI – Departamento Regional do Rio de Janeiro.

BR-101
Mundial Express
Savoy
Globalbat
Retrak
postal